sexta-feira , 24 novembro 2017
Home / Destaques / “Vítima” volta atrás e alega que tentativa de roubo de criança era mentira

“Vítima” volta atrás e alega que tentativa de roubo de criança era mentira

um-policia-e-um-representante-da-lei_569969Uma adolescente que registrou boletim de ocorrência na semana passada alegando que um casal teria tentado roubar a seu filho de 2 anos na Vila Cachoeirinha, em Dourados, voltou atrás na história e admitiu a policiais civis do SIG (Serviço de Investigações Gerais), que tudo não passou de mentira.

O caso teria ocorrido no dia 29 de junho, por volta das 17h30 e registrado apenas no dia seguinte no 2º Distrito Policial.

De acordo com seu depoimento, a menor de 17 anos disse ter contado para a cunhada e um tio, que uma mulher e o homem, dentro de um VW Voyage preto, teriam tentado pegar a sua filha, porém, não imaginou a repercussão do caso.

Ainda conforme o relato, no mesmo dia ela inventou a mesma história para o marido e ambos foram dormir, quando acordaram, o fato já havia ganhado as redes sociais.

Logo depois, ela foi procurada pela polícia e instruída a registrar o boletim de ocorrência e, com medo de desmentir, acabou assim fazendo.

Durante as investigações, o SIG começou a desconfiar de algumas informações e ontem (6) a tarde a chamou para novo depoimento, quando a menor acabou confessando que tudo não passava de mentira. Ela foi autuada pelo ato infracional falsa comunicação de crime.

Jardim Guanabara

Apesar da falsa informação desse caso, a polícia ainda investiga uma outra tentativa de roubo de criança, ocorrido no mesmo dia, no Jardim Guanabara. Uma mulher de 21 anos registrou ocorrência alegando o fato idêntico.

Na ocasião, mulher com características parecidas teria tentado pegar o seu filho de oito meses e posteriormente corrido até o carro.

(Dourados News)